Compartilhar

A Ozonioterapia é uma terapia alternativa que utiliza o ozônio como um recurso terapêutico para tratar diversas doenças e condições de saúde. O ozônio é um gás altamente reativo, composto por três átomos de oxigênio, que pode ser produzido por equipamentos especializados e administrado por diversas vias, como por exemplo, por meio de injeções, insuflação retal, banhos ozonizados, entre outras.

Embora ainda haja controvérsias quanto à eficácia da ozonioterapia, alguns estudos têm mostrado resultados promissores em relação ao tratamento de doenças como artrite, quadros álgicos ortopédicos, entre outras.

A ozonioterapia é utilizada em diversos países, inclusive no Brasil, onde tem sido regulamentada  pelo Ministério da Saúde: PORTARIA N° 702, DE 21 DE MARÇO DE 2018 Inclui a ozonioterapia na Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares – PNPIC, no âmbito do SUS . Podendo ser aplicada por qualquer profissional da área de saúde.

A partir dessa portaria os Conselhos de Classe, buscaram compreender e regulamentar a ozonioterapia no âmbito de atuação de cada profissão. Na Fisioterapia: O plenário do COFFITO, ACORDARAM,  por unanimidade, que a Resolução nº 380/2010 autoriza a aquisição, a utilização de equipamentos, bem como a prescrição de Ozonioterapia por profissionais fisioterapeutas no âmbito de suas respectivas práticas profissionais. 

Te permitindo a atuação como fisioterapeuta. No entanto, é importante ressaltar que a ozonioterapia não é uma técnica abordada nas graduações de Fisioterapia e deve ser realizada apenas por profissionais capacitados e com experiência na área.

A Resportes Educacional aborda o curso completo de ozonioterapia exclusivo para Fisioterapeutas, com 70% de prática clínica, ministrado por professores fisioterapeutas. Única escola que aborda seguindo as normativas da profissão. Após o curso você se tornará um profissional seguro e apto na aplicação da técnica. 

Clique aqui e confira o curso completo de Ozonioterapia!

No Brasil tem se alcançado mercado nos últimos dois anos, porém na Europa já tem sua aplicabilidade a mais de um século, foi descoberta a princípio, na Alemanha, inclusive o primeiro artigo foi publicado em 1916 e 1917 com o título “ozônio no tratamento de feridas dos soldados na 2° guerra mundial”. A prática hoje está em diversos países do mundo como Rússia, Alemanha, Itália, Cuba, México, Canadá, alguns estados dos EUA, China, Japão, etc.

A atuação do Fisioterapeuta na Ozonioterapia é ampla e proporciona grande auxilio no tratamento das dos quadros álgicos, principalmente das seguintes disfunções:

  • Ozonioterapia aplicada nas disfunções da coluna vertebral;
  • Ozonioterapia aplicada as tendinites (tendinopatias) e bursites;
  • Ozonioterapia aplicada aos quadros de artroses e artrites;
  • Ozonioterapia aplicado à Fibromialgia;
  • Ozonioterapia aplicado as disfunções neuro funcionais decorrente do AVC’s, Alzheimer e Paralisia Cerebral;
  • Ozonioterapia aplicada as disfunções esportivas;
  • Ozonioterapia aplica às disfunções cardiorrespiratórias;
  • Ozonioterapia aplicada as feridas e dermato funcional;

Referências Bibliográficas:Ozonioterapia em lombociatalgia*Revista Dor Print version ISSN 1806-0013/ Rev. dor vol.13 no.3 São Paulo July/Sept. 2012

MORETTE, Daniela Affonso. Principais aplicações terapêuticas da ozonioterapia. 2011. 1 CD-ROM.

Ozonioterapia como terapêutica integrativa no tratamento da osteoartrose: uma revisão sistemáticaPrint version ISSN 2595-0118On-line version ISSN 2595-3192

 

Veja Também

Blog Educacional

Fisioterapeutas podem utilizar Hidrolipoclasia Ultrassônica

Fisioterapeutas podem utilizar Hidrolipoclasia Ultrassônica O Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional – COFFITO reconheceu, através do Acórdão Nº 635, a habilitação dos profissionais